Conheça 5 dicas para tirar fotos radicais em um voo de parapente

Durante uma experiência de turismo de aventura todo mundo quer garantir aquele clique perfeito, capaz de tirar o fôlego e eternizar os melhores momentos vividos, não é mesmo? E quando falamos em fotos radicais durante o voo de parapente, a qualidade do registro é ainda mais importante!

Entretanto, é essencial ter sempre em mente que o principal objetivo é curtir a experiência. Afinal, ainda não existe câmera capaz de registrar as sensações vividas naquele momento e as memórias ainda são o registro mais importante que você pode ter. 

Mas como todo mundo gosta de ter aquela foto especial para postar nas redes sociais separamos 7 dicas incríveis para te ajudar a registrar tudo com muito estilo e facilidade. Confira e inspire-se!

1. Escolha o melhor equipamento para o momento

Para garantir aquele registro irado durante um voo de parapente o mais indicado é contar com uma câmera Gopro e o famoso “pau de selfie”, que juntos formam o kit de equipamento perfeito para a experiência. 

Uma boa dica é esticar ao máximo a haste, pois, quanto mais distante a câmera estiver de você, mais amplo será o campo de visão e mais elementos aparecerão na sua foto. 

2. Sorria! 

Enquanto voar de parapente você estará fazendo algo incrível e com um visual alucinante, e nada melhor do que um belo sorriso e uma pose de liberdade e interação com a natureza para deixar a sua foto ainda mais emocionante, passando o exato sentimento da experiência de voar. 

3. Varie os ângulos

Para conseguir fotos diferentes, criativas e inusitadas é importante variar os ângulos. Coloque o equipamento para baixo, para cima, no centro, para trás e o que mais a sua imaginação permitir. Assim, você terá fotos variadas de você, do horizonte, da paisagem, da altitude, do céu etc.

4. Cuide da iluminação

O ângulo da câmera em relação ao sol pode fazer toda a diferença no resultado da sua foto. Para uma imagem bem iluminada, posicione o equipamento na direção do sol, garantindo que os raios estejam iluminando o seu rosto. 

Quando você direciona a câmera na direção oposta à do sol o resultado será uma foto de silhueta, que mostra a paisagem e apenas a sua sombra. Essa é uma boa opção para registros do pôr do sol. 

5. Valorize a paisagem

Para conseguir aquela foto super especial do visual, uma boa dica é fazer alguns cliques apenas da paisagem, valorizando o cenário do seu voo. Para isso, basta encurtar a haste e inverter a direção da câmera, assim você consegue ter uma prévia do melhor ângulo para fotografar. Uma boa dica é esticar os pés e fazer um registro cheio de criatividade. 

6. Peça ajuda ao seu acompanhante

Se você quer garantir aquela foto externa incrível e sem erros lembre-se de deixar o seu acompanhante encarregado de fazer os cliques direto na rampa de decolagem. Assim, você terá um registro diferente da sua experiência, visto pelos olhos de um observador. 

7. Voe no pôr do sol

O pôr do sol tem uma luz única e, sem dúvidas, com uma beleza de tirar o fôlego. Por isso, se você quer garantir aquele clique especial, recomendamos que tente voar no horário mais próximo do fenômeno. 

Como o voo de parapente depende de condições climáticas como o calor, recomendamos que você sempre converse com a equipe que vai conduzir a atividade sobre as melhores opções para o registro. 

E você, já teve alguma experiência com fotos radicais? Deixe um comentário no post contando para a gente quais dessas dicas você usou e quais usará nas suas próximas aventuras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *