Como aprender a voar de parapente?

Sabe aquele frio gostoso na barriga que faz a vida parecer um show constante de adrenalina? É essa a sensação que causa um voo de parapente. Voar de parapente, proporciona uma experiência incrível de contemplação privilegiada da natureza em uma relação de proximidade entre o medo e a coragem, na essencialidade desses dois sentimentos para a prática de esportes radicais.

Foi pensando nisso que preparamos este post cheio de informações sobre o voo de parapente. Aqui, você encontrará todas as dicas de como realizar um voo seguro, compartilhar aquele vídeo emocionante e fotos maneiras e matar os amigos de vontade!

O que é o parapente?

Também conhecido como paraglider, ele é o que podemos chamar de um primo do paraquedas. Esse parentesco distante se dá pelo fato de o parapente ser mais dinâmico, ousado, permitindo a quem está no seu comando, determinar a direção, e se as condições permitirem, voar por um tempo mais longo. Vale ressaltar que os pilotos brasileiros Samuel Nascimento, Donizete Lemos e Rafael Saladini, viajaram de parapente por 564 km, em 11 horas e 45 minutos e quebraram o recorde mundial!

parapente nos permite alcançar as nuvens! Consegue imaginar a belíssima paisagem vista do alto e toda a imensidão em campo aberto? É uma modalidade que promete ao mesmo tempo adrenalina, conexão com a natureza e superação.

Quais são os benefícios de voar de parapente?

Todo esporte de aventura oferece algum tipo de benefício, e com você não será diferente ao voar de parapente. Se sua rotina diária anda pesando sobre os ombros e você tem aquela sensação de estresse contínuo, é o momento de parar, repensar a vida e buscar uma válvula de escape para descarregar as energias nebulosas e isso você vai encontrar no voo de parapente em um momento único de conexão, relaxamento e paz.

E esse momento é eterno viu? Todas as vezes que você pensar em liberdade, vai se lembrar daquele voo perfeito em que esteve mais perto das nuvens e do céu. O prazer pela vida e o amor pela natureza ficam mais latentes — incrivelmente você passará a sorrir com mais frequência, e pelas coisas simples e gratuitas no mundo.

Como aprender a voar de parapente?

Voar de parapente depende das condições climáticas e consiste, basicamente, em decolar de um ponto bem alto — na Serra da Moeda o voo é feito do Topo do Mundo, considerado um dos melhores pontos para a modalidade no Brasil — e planar no ar sob o controle do piloto, que consegue determinar a direção e a descida.

O primeiro voo será acompanhado por um instrutor habilitado, que a todo o momento dará orientações, deixando você em total segurança para curtir o visual top das galáxias com direito a fotografar, filmar e, dependendo da performance, assumir o comando do seu voo.

E aí, continua sentindo a adrenalina correndo nas veias ao imaginar essa façanha? Quantas histórias para contar e fotos sensacionais para postar nas redes sociais não é mesmo? Pode apostar que o número de curtidas vai subir mais alto que um voo de parapente e você vai agregar os novos amigos de aventura de forma natural e instintiva.

Para que o voo de parapente seja seguro e confortável, três fatores são levados em consideração — o vento, as nuvens e a intensidade da atividade térmica. O vento ideal para a decolagem é entre 5 Km/h e 15 Km/h. As nuvens referenciam as atividades térmicas que, por sua vez, são as correntes de ar quente ascendentes.

Não se preocupe porque seu passeio será em um equipamento homologado e específico para o voo duplo, com ótima ergonomia para permitir conforto e facilidade de assento. Antes da decolagem, por cerca de 15 minutos, você receberá instruções de todo o procedimento, além de uma pequena simulação da decolagem e pouso.

Se você quer curtir ao máximo essa experiência ímpar, escolha um horário próximo das 13 horas, considerado ideal como um dos melhores momentos do dia. Leve roupa confortável — tênis, agasalho (nas alturas costuma ser mais frio), protetor solar e óculos de sol.

Depois da primeira experiência, há um universo maravilhoso a explorar e você pode fazer uma aula gratuita para conhecer, na prática, o dia a dia de um praticante e todos os princípios do esporte para, logo em seguida, optar pelo curso completo. Quer saber os detalhes? Vamos lá!

O parapente é um esporte que requer dedicação e estudo, por isso, prepare-se para passar vários dos seus dias na montanha. Durante o curso você se surpreenderá com as informações e o nível de segurança de um voo de parapente. É incrível o quanto o parapente trabalha características da personalidade humana como a paciência e a confiança.

Como zelamos ao extremo pela segurança e integridade física dos nossos clientes precisamos elencar os equipamentos para você não comprar pela internet, por exemplo, seguindo orientações de quem entende pouco do assunto.

Os equipamentos precisam ser adequados ao seu peso e sua categoria — velame (asa), selete (cadeira), paraquedas de emergência, capacete, radio comunicador, GPS. E por falar em categorias, elas são homologadas e obedecem a níveis crescentes:

  • EN-A: iniciantes;
  • EN-B: intermediário;
  • EN-C: avançado;
  • EN-D: competição;
  • ACRO: parapentes de acrobacia.

Para ser habilitado é necessário estar filiado a um órgão nacional (Associação Brasileira de Parapente ou Confederação Brasileira de Voo Livre) e ao clube local, que em Belo Horizonte é o Clube de Voo Livre Belo Horizonte (CVLBH) localizado no Topo do Mundo, na Serra da Moeda. Vale ressaltar, também, que existem áreas específicas para a prática do esporte, por isso, nada de abrir o parapente na praça do bairro, combinado?

Quem pode voar?

Voar de parapente pode ser praticado a partir dos 16 anos com a presença dos pais ou autorização registrada em cartório e para a maior idade não há limites. Como para os iniciantes é obrigatório o acompanhamento de um profissional habilitado, até mesmo as pessoas portadoras de necessidades especiais podem se submeter a essa maravilha que é o voo livre.

Qual é o investimento?

Para garantir instrutores profissionais, assegurados e equipamentos modernos, o valor do voo duplo é tabelado pelo Clube de Voo Livre de Belo Horizonte em 350,00 reais, e o curso é 6.500,00 reais. O investimento do equipamento básico (cadeira, vela e paraquedas de emergência) varia em torno de 8mil (usado) e entre 12mil e 15mil (novo).

Há algo muito importante que você deve saber: o sentimento de liberdade proporcionado em um voo de parapente não tem preço. É impossível traduzir em cifras todas as vibrações do seu coração e da sua alma transformando para sempre seu modo de ver a natureza.

Voar de parapente é como voltar às brincadeiras de infância — quando esse era o desejo da maioria, como nos filmes de super-heróis —, só que no voo livre é de verdade e você vai se perguntar por que demorou tanto tempo para experimentar algo que desperta, ao mesmo tempo, liberdade e empoderamento.

Agora que você entende melhor sobre como aprender a voar de parapente, já pode entrar em contato com a gente para agendar sua próxima aventura. Ficaremos muito contentes em apresentar a você esse esporte apaixonante e fazer parte da sua história de superação e alegria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *