Quer saber o que fazer em BH na segunda feira? Confira!

Belo Horizonte é um dos principais destinos turísticos do Brasil e atrai visitantes de diferentes regiões em busca de badalação, relaxamento e experiências únicas. E para quem visita a cidade na baixa temporada, a grande pergunta é: o que fazer em BH em plena segunda-feira?

Mas não se preocupe, nós temos exatamente as sugestões de que você precisa!

Pegue papel e caneta e prepare-se para criar um roteiro de viagem incrível. Listamos dicas incríveis do que fazer em Belo Horizonte em uma segunda-feira para que você possa curtir cada minuto da sua aventura por terras mineiras. Partiu?

Circuito Cultural Praça da Liberdade

Inaugurado em 2010, o Circuito Cultural Praça da Liberdade é considerado um dos mais importantes polos culturais do país e é destino certo para os viajantes mais “cults”. O circuito reúne 15 locais diferentes, entre museus, exposições artísticas, centros de cultura, biblioteca e outras instituições.

O Centro Cultural Banco do Brasil é um dos destinos mais procurados do circuito e conta com exposições sobre a história da cidade e mostras artísticas, além de um teatro. E o melhor: a entrada é gratuita! Dá para conhecer também o Museu Mineiro, o Centro de Arte Popular e o Memorial Minas Gerais Vale.

A Praça da Liberdade, que dá nome ao circuito, é um dos principais cartões-postais de Belo Horizonte e também vale muito o passeio. Além de encantar o público que passa por ali com o seu ambiente agradável e descontraído, o espaço une natureza e urbanização como cenário para a apresentação de grupos artísticos.

Complexo da Pampulha

Outro importante cartão-postal de Belo Horizonte, o Conjunto Arquitetônico da Pampulha foi projetado por Oscar Niemeyer em 1942 e tem atrações imperdíveis para os seus visitantes. Desde 2016, o complexo é considerado um patrimônio mundial da UNESCO.

Ao redor da linda e grande Lagoa da Pampulha, é possível conhecer várias obras da arquitetura moderna, como a Igreja de São Francisco de Assis, a Casa de Baile, o Iate Tênis Clube e, é claro, o Museu de Arte da Pampulha.

Além da arquitetura de Niemeyer, o complexo ainda tem uma bela área verde perfeita para caminhar, pedalar, praticar atividades físicas, tirar fotos incríveis ou simplesmente descansar um pouco entre as visitações.

Bares tradicionais

Belo Horizonte é muito conhecida por sua agitada vida noturna, garantindo o título de cidade com mais bares e botecos por habitante no Brasil. Por isso, sair à noite e curtir a badalação da região é quase uma tradição mineira. E você não pode deixar de viver essa experiência!

Seja para um happy hour, um encontro casual com os amigos ou para uma noite inteira de diversão, a cidade oferece opções para todos os gostos. Então, lembre-se de incluir uma visitação aos bares tradicionais no seu roteiro de viagem.

O histórico Edifício Maletta, por exemplo, reúne bares, restaurantes tradicionais, sebos e botecos. Depois de passar por uma revitalização, o espaço se tornou um dos principais pontos de encontro dos jovens de BH de todos os gostos, inclusive os mais alternativos. Imperdível!

No boêmio bairro Santa Tereza, o Bar do Bolão já virou uma verdadeira instituição da noite mineira. Nas paredes do lugar, é possível conferir uma coleção com mais de 150 discos e relógios, presentes de celebridades que já passaram por ali.

Mercado Central

Criado em 1929, o Mercado Central é uma das principais atrações da capital. Com mais de 400 lojas, lá é possível encontrar de tudo um pouco: artesanato, flores, roupas, loja de animais, depósitos de bebida, salão de beleza e, é claro, o melhor da gastronomia mineira.

Para fazer compras, passear ou reunir os amigos para tomar uma cerveja, uma visita ao Mercado Central precisa fazer parte da sua viagem a Belo Horizonte. E para quem deseja viver uma experiência ainda mais completa no lugar, vale a pena experimentar o famoso fígado com jiló na chapa, o tira-gosto mais famoso do espaço.

Se você tem um paladar mais tradicional, não se preocupe! São mais de 14 mil m² com opções que variam entre o popular pão de queijo, doces típicos, queijos recheados, cachaças artesanais e muito mais. O espaço fica aberto todos os dias a partir das 7 horas da manhã.

Restaurante Topo do Mundo

Localizado em Nova Lima, divisa com Belo Horizonte, o Restaurante Topo do Mundo é um dos destinos mais procurados e badalados da região. O local ficou conhecido por seus 14 anos de atividade na Serra da Moeda, mas desde o começo de 2018 está de cara nova, ocupando um dos andares da famosa Torre Alta Vila.

Além de contar com pratos deliciosos no cardápio e um ambiente super aconchegante, o restaurante faz jus ao seu nome e oferece aos clientes uma vista panorâmica realmente incrível de BH.

Lagoa dos Ingleses

Localizada no município de Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte, a Lagoa dos Ingleses foi construída em 1932 com o objetivo de guardar água da chuva e gerar energia elétrica para a Mina Morro Velho. A paisagem de tirar o fôlego atraiu o mercado imobiliário para a área, que hoje é parte do condomínio Alphaville.

A limpeza e qualidade das águas da Lagoa contribuíram para que ela se transformasse em um importante ponto de encontro da prática de esportes aquáticos, como wakeboard, stand up, vela, jet ski, além do incentivo à formação de triatletas.

Serra da Moeda

Localizada a apenas 25 km do centro de Belo Horizonte, a Serra da Moeda precisa estar entre os destinos do seu roteiro de viagem! O lugar reserva uma oportunidade única de estar em contato com a natureza, admirando e registrando os ângulos mais incríveis das montanhas mineiras.

Com uma extensão de 70 km e aproximadamente 1,5 mil m de altitude, a Serra se destaca por sua beleza paradisíaca e condições perfeitas para a prática de esportes aéreos, como asa delta e parapente Para os turistas menos aventureiros, uma boa opção é caminhar pelas trilhas ecológicas ou cavalgar.

Quer curtir a calmaria da Serra da Moeda com mais tempo? Aproveite para se hospedar na região e conhecer um pouco da gastronomia local, que é uma atração à parte. Além disso, ainda é possível se deliciar com o melhor dos pratos regionais nas montanhas, diante de uma vista deslumbrante e única do horizonte.

Fly Monster

Gosta de aventuras? Então, que tal voar de parapente com uma vista de tirar o fôlego? Essa pode ser a programação perfeita para você curtir a sua segunda feira em BH de um jeito inusitado e super especial. A Fly Monster é uma escola de Parapente localizada no Topo do Mundo, região mais alta da Serra da Moeda, e pode te proporcionar essa experiência!

Com uma rampa natural ideal para a prática de voo livre, térmicas fortes, vento constante e uma paisagem incrível de montanhas, lagos e cachoeiras, o Topo do Mundo é considerado um dos melhores locais para a prática de voo livre do mundo e atrai aventureiros de diversas regiões.

Atuando na região desde 2010, a Fly Monster realiza voos duplos para iniciantes, ministra cursos para voos solo e atua com mídia aérea, registrando os melhores momentos do seu voos em alta qualidade. Para garantir a segurança e realização individual dos alunos, a empresa conta com equipamentos modernos, instrutores habilitados e experientes.

E para viver essa experiência incrível que é o voo livre, o mais recomendado é visitar a Serra da Moeda durante a semana, estendendo o seu passeio até o Topo do Mundo.

A Fly Monster funciona todos os dias, mas o ideal é entrar em contato com a empresa para fazer o agendamento do serviço, garantir a disponibilidade de vagas e checar a meteorologia favorável.

Show, não é mesmo? Como você pode perceber, o que não faltam são boas opções para se divertir em Belo Horizonte durante a semana. Basta escolher as suas atrações preferidas e curtir o melhor que a capital mineira tem a oferecer!

Ainda tem dúvidas sobre o que fazer em BH na segunda-feira? Entre em contato conosco e confira as atrações mega especiais que preparamos para você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *